27/11/2008

O Segredo é a Motivação!

Eficácia da Empatia na Liderança Empresarial

O analista Alberto Guerreiro Ramos, em seu estudo denominado “Administração e contexto brasileiro”, dá especial ênfase ao fato de que “nenhum outro profissional precisa tanto da imaginação como um administrador”. Temos abordado com freqüência o tema do condão positivo de “imaginação criativa”, para alcançar reais avanços em gerenciamento de fatores econômicos e sociais. Ademais, o bom administrador carece ter a capacitação para assumir e vislumbrar a projeção do porvir, repensando o passado.
Para propagar um cenário confiável, ao enfrentar mudanças modernizadoras requeridas pelo empreendimento, o líder necessita, obviamente, ter o total domínio da problemática envolvida. Mercê da concreta aptidão para monitorar medidas que tenham como escopo suscitar os almejados ganhos, o administrador tem a chance de lançar diversificados instrumentos. Como todos temos ciência, normalmente costuma prevalecer uma inércia, não facilmente impulsionada para promoção de alterações e mudanças. Conseqüentemente é imperativo que o assunto seja tema de diálogos consistentes, que visem o convencimento dos parceiros da empreitada. Cumpre tudo mobilizar para que o projeto não seja “engavetado”, ficando para as “calendas gregas”. Deve-lhe ser atribuída a obrigação de urgência, ao mesmo tempo em que o superior se disponha a acolher sugestões de subordinados, que possam ser tomadas em consideração.

A despeito de ditas peculiaridades, deve o líder ser sempre decidido, cônscio de sua capacidade, nunca demonstrando vacilação. É recomendável que, no decurso do andamento do plano, não hesite de reconhecer eventuais enganos seus. Mau grado cumpre, com competência, enfrentar quaisquer desafios com que se defronte. Convém, sempre que houver o entendimento mútuo, que seja dado liberdade aos demais, de realizarem a sua parte.
O dirigente engenhoso e confiante, num gratificante consciente apoio na parceria concreta, capitalizará a conjugação da ação eficaz dos colaboradores. Como sabemos, em geral prepondera entre a maioria da humanidade uma habitual generalizada incredulidade na aplicação de providências inovadoras. Entretanto, não fossem comprovados os resultados que foram concretizados, originados da imaginação de cérebros privilegiados, se justificaria a oposição a novas normas de atuação modernizadora e mais sofisticada. É de conveniência que um consciente empreendedor, não como “poderoso chefão”, mas como líder, convença a seus servidores que seu empenho visa, igualmente, não só aumentar seus ganhos financeiros, mas aplicar parte deles em suscitar mudanças sociais, beneficiando os menos favorecidos. O alvo positivo deverá ser de, com medidas apropriadas, acompanhar “pari-passo” o que vem ocorrendo no mundo, cada vez mais avançado e sofisticado.

É notório que a prosperidade e os progressos conquistados pelo efeito da tecnologia, não vêm sendo distribuídos entre todos os seres humanos. Por tal motivo, existem milhões de companheiros de jornada neste orbe terrestre, de “excluídos”, “vegetando” com menos de um dólar de renda diária. Um consciente administrador deve atuar, no que estiver ao seu alcance, para capilarizar os resultados de seu empreendimento, cumprindo com seus deveres humanitários.

É preciso desenvolver a capacidade de auto-motivação.

A vida de todo profissional é recheada de momentos difíceis, desafios, pressões de todos os lados. O sucesso é o troféu a ser conquistado, e para trilhar o caminho que nos leva ao sucesso, precisamos estar sempre motivados. Mas como nos manter motivados, pessoal e profissionalmente, a despeito de todos os contratempos, dificuldades e pressões de nossa vida cotidiana?

É preciso desenvolver a capacidade de auto-motivação. Saber levantar o astral quando as coisas não estão boas e se manter motivado independente dos acontecimentos.

Os principais componentes que influenciam nossa motivação são:

  • nosso estado de espírito interior;
  • o ambiente em que estamos inseridos em nossa vida pessoal e no trabalho;
  • acontecimentos externos que ocorrem independente de nossa vontade.

Nosso estado de espírito depende de nós mesmos e é o componente que mais podemos influenciar. Neste sentido, existem algumas dicas importantes que ajudarão a nos manter motivados.

Ter objetivos e metas claras quando sabemos exatamente o que queremos, onde queremos chegar, e o tempo e as tarefas que teremos de executar, fica bem mais fácil nos mantermos motivados, pois, apesar dos sacrifícios, nos orientamos pelo desejo de alcançar nossos objetivos.

Mantenha o bom humor está provado que as pessoas bem humoradas são mais motivadas. De certa forma, as tarefas tornam-se mais fáceis de serem realizadas quando estamos felizes e bem humorados, este estado de espírito ajuda a motivação.

Crie o hábito da motivação devemos nos manter numa postura sempre de alto astral, fazer as coisas com entusiasmo, manter uma atitude positiva e andar de cabeça erguida, mesmo na presença de algum contratempo. Há uma inter-relação entre nosso estado de espírito e nosso comportamento, um influenciando o outro reciprocamente. Se você andar de cabeça baixa e ombros caídos certamente a tendência é tornar-se desanimado. Mas, se mesmo diante de acontecimentos difíceis, você permanecer com atitude firme e altiva, conseguirá manter sua motivação e seu bom astral.

O ambiente em que estamos inseridos também é fundamental para nossa motivação. Neste caso é melhor nos acostumarmos a influir positivamente no ambiente, do que deixar que o ambiente influa em nosso estado de espírito.

Algumas dicas para manter a equipe de trabalho ou seu ambiente familiar bem motivado.

Mostre que você faz parte do time esteja sempre presente, comunique-se, troque idéias, ouça as pessoas, leve em conta os interesses das pessoas com quem convive.

Elogie as pessoas o elogio é um grande fermento para a auto-estima. Todos gostam de ser reconhecidos e elogiados. Neste sentido o elogio serve como um grande meio de motivar as pessoas. Mas cuidado! Para ser positivo e realmente motivar as pessoas, o elogio precisa ser sincero. Elogie o desempenho das pessoas, sua aparência, ou alguma área de sua vida pessoal ou profissional que mereça elogio.

Transmita confiança em sua interação, tanto no ambiente de trabalho como em suas relações familiares, procure transmitir confiança, entusiasmo, atitude positiva, certeza no futuro. Estes comportamentos acabarão por influenciar positivamente os outros, fazendo com que você se torne um motivador de pessoas.

Muitos acontecimentos externos também têm o poder de influenciar nossa motivação. Pode ser uma crise na empresa, problema familiar, dificuldade financeira, problemas de saúde, etc.. O que devemos fazer é sempre olhar estes acontecimentos pelo lado positivo.

Conhece a historia do copo com água pela metade? Os pessimistas dizem que ele está meio vazio e os otimistas dizem que ele está meio cheio. Então todos os acontecimentos têm algum lado positivo. Se você perdeu o emprego, por exemplo, eis aí uma ótima oportunidade de repensar sua vida, fazer algo diferente, e conseguir um emprego até melhor do que o anterior. Muitas vezes uma derrota pode nos dar lições que terão um impacto extremamente positivo em nossas vidas. Pense nisso.

Concluímos que, no processo de desenvolvimento de nosso marketing pessoal, é fundamental aprendermos a arte da motivação. Desta forma, conseguiremos motivar a nós mesmos para trilharmos o caminho do sucesso, ainda que em momentos difíceis, e também motivar a todos que convivem conosco.

É...definitivamente, precisamos estar sempre motivados!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vídeos Motivacionais

Loading...